Aos 73 anos, morre no Rio o compositor Aldir Blanc

O compositor e escritor Aldir Blanc, de 73 anos, morreu na madrugada desta segunda-feira (4) no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio. Ele estava com Covid-19 e seu quadro de saúde era considerado grave.

O compositor deu entrada com quadro de infecção generalizada na CER do Leblon no dia 10 de abril. Cinco dias depois ele foi transferido para o Pedro Ernesto. Aldir Blanc foi compositor de clássicos da MPB. Seja sozinho ou com parcerias, entre suas canções estão Bala com balaMestre-sala dos maresDe frente pro crime e Dois pra lá, dois pra cá. Seu maior sucesso é a canção O bêbado e a equilibrista, feita em parceria com João Bosco, que através da interpretção de Elis Regina marcou uma geração e foi utilizada como canção de protesto na ditadura militar. 

One thought on “Aos 73 anos, morre no Rio o compositor Aldir Blanc”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *