Cabedelense é convidado especial no X Festival Internacional de Música de Campina Grande


O Festival Internacional de Música de Campina Grande (FIMUS), evento promovido pela Fundação Parque Tecnológico (PaqTcPB), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e Affins Produções, chega à décima edição, que este ano contará com a apresentação do violonista cabedelense Carlos Costa, um dos seletos músicos  paraibanos convidados a participar do Festival, que acontece de 5 a 14 de julho.

Carlos Costa, é convidado especial e se apresentará durante o II Recital de Doutoramento da musicista Thalyana Barbosa, pela Universidade de Evora-Portugal.

O evento reunirá os melhores músicos instrumentistas nacionais e internacionais e acontecerá no auditório BW 4, da Universidade Federal de Campina  Grande.

Material de divulgação do evento

Não é a primeira vez que o cabedelense se destaca em festivais internacionais. Já muito conhecido no meio musical paraibano por sua técnica e talento excepcional, Carlos Costa já se apresentou em outros festivais, como o de Mogi das Cruzes, em São Paulo, conquistando o segundo lugar dentre renomados instrumentistas internacionais.  

Carlos Costa, é violonista e Bacharel em Música pela UFPB. Tem importante atuação na cultura e na música cabedelense e paraibana. Durante três anos (2013 a 2016) idealizou e promoveu o mais importante evento de Chorinho de Cabedelo e um dos mais respeitados da Paraiba, o Projeto Chorinho na Praça, realizado semanalmente na praça Venâncio Neiva, na cidade portuária. Além de possuir importantes participações em gravações de CD’s de diversos músicos, Carlos Costa atuou por mais de uma década como professor de violão e arranjador musical. Filho do instrumentista e compositor Wilson do Bandolim, o violonista é o único cabedelense e um dos poucos paraibanos a alcançar tão elevado nível técnico e talento instrumental.

Da Redação

One Reply to “Cabedelense é convidado especial no X Festival Internacional de Música de Campina Grande”

  1. Nobre maestro Carlos Costa, a quem chamamos carinhosamente de “Cabedelo”. Sentimo-nos honrados por ver sua ascensão como profissional da música, honrados, mas não surpresos, pois quem lhe conhece sabe do talento que lhe é peculiar. Saudades das suas audições no DM da UFPB e de suas apresentações na saudosa Banda Breque Brasil.
    Meses atras ouvia uma de suas brilhantes atuações, brilhante porque você é um dos poucos violonistas paraibanos que conseguem executar o instrumento com tamanha maestria. Parabéns!

    Millegue – UFPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *