Quarenta fugitivos do PB1 permanecem foragidos

Quarenta detentos continuam foragidos da Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes, o PB1, 42 dias após a fuga em massa registrada na unidade, no dia 10 de setembro. Clique aqui e veja a lista.

Segundo a assessoria de comunicação da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) atualmente permanecem 42 nomes listados como foragidos, mas dois dos fugitivos, Valdenor Xavier de Sousa Júnior e Ernani Fernandes Brandão Neto, foram recapturados durante o fim de semana no Rio Grande do Norte.

Entenda o caso

Cento e cinco detentos fugiram da Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes (PB1) na madrugada do dia 10 de setembro. A fuga em massa aconteceu após um grupo composto por ao menos 20 homens fortemente armados invadir o complexo prisional e detonar explosivos no portão principal.

A intenção dos bandidos seria resgatar quatro detentos, que são suspeitos de integrar uma quadrilha especializada em roubo a bancos. Muitos outros presos acabaram aproveitando a oportunidade para escapar da unidade.

Um tenente da Polícia Militar acabou gravemente ferido durante a fuga em massa. Ele estava na sede da Academia de Polícia Civil (Acadepol), no momento em que foi atingido por um tiro na cabeça.

 

 

Da Redação com Portal Correio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *